QUALIDADE – Internacional

13/05/2017

Norma internacional para aquisições sustentáveis

A compra sustentável pode melhorar as relações com os fornecedores – e os seus negócios. A norma ISO 20400 acaba de ser publicada para ajudar as organizações a fazerem compras sustentáveis.

As aquisições desempenham um papel importante em qualquer organização, grande ou pequena. Assegurar que os fornecedores tenham práticas sólidas e éticas – em tudo desde as condições de trabalho e gestão de riscos até o seu impacto ambiental – tem o potencial não só de fazer as empresas funcionarem melhor, mas de melhorar as vidas de todos nas comunidades onde estão situadas.

A aquisição sustentável envolve a tomada de decisões de compra que atendam às necessidades de uma organização de forma a beneficiá-las, à sociedade e ao meio ambiente. Trata-se de garantir que os fornecedores de uma empresa se comportam de forma ética, de que os produtos e serviços adquiridos são sustentáveis e que tais decisões de compra ajudam a abordar questões sociais, econômicas e ambientais.

Para Jacques Schramm, presidente da ISO/PC 277, o comitê do projeto que desenvolveu o padrão, diz que os benefícios da aquisição sustentável podem ser de longo alcance. "Já não é suficiente para as empresas confiarem em fornecedores para fornecer-lhes o que querem, sem perguntas. As organizações se beneficiam muito de conhecer seus fornecedores – entender quais são seus requisitos também – para garantir que suas demandas não sejam irrealistas e que os fornecedores com quem trabalham tenham boas práticas éticas", explica.

"Os riscos de não entender e gerenciar práticas em toda a cadeia de suprimentos são grandes. Na melhor das hipóteses, podem resultar produtos de má qualidade ou rupturas de existências. A contratação sustentável ajuda a minimizar riscos como estes, incentivando os compradores e fornecedores a trabalhar em estreita colaboração para um resultado melhor para todos".

www.iso.org/news/Ref2178.html

voltar