Prêmio Nacional Gestão Banas 2010- Manual de Candidatura
Página Inicial
Cronograma
Respostas
Apresentação
Elegibilidade
Inscrição
Treinamento
Avaliação
Auto Avaliação
Código de Ética
Ficha de Inscrição
Conteúdo do Relatório
Regras do Relatório
Formulário de Auto Avaliação
Empresas Premiadas
Download do Manual de Candidatura 2010
Fotoso do Prêmio Banas 2008
Fotoso do Prêmio Banas 2009
Prêmio Gestão Banas 2009 Clipdo PGB 2008




Portal Web Banas Qualidade


Portal Web Banas Metrologia & Instrumentação


Portal Web Certificadas.com


Qualistore - Compras com Qualidade


Prêmio Gestão Banas Código de Ética

CÓDIGO DE ETICA DO PRÊMIO GESTÃO BANAS
Ethos ética, em grego designa a morada humana. A ética ilumina a consciência humana, sustenta e dirige as ações do homem e de uma organização, norteando a conduta individual e social. É produto histórico-cultural e, como tal, define o que é virtude, o que é bom ou mal, certo ou errado, permitido ou proibido, para cada cultura e sociedade.
Ou seja, é “ter uma conduta acertada mesmo ninguém olhando”.

PRINCÍPIOS
As partes interessadas no Prêmio Gestão Banas formado pelo quadro de colaboradores da EPSE Editora, da Revista Banas Qualidade na qualidade de funcionários, e voluntários, se comprometem a manter princípios éticos no cumprimento de suas atribuições, a prestar serviços de elevado padrão profissional, levando em consideração a honestidade, o sigilo, a dignidade, a humildade, a veracidade, a imparcialidade e a responsabilidade perante a sociedade, e a empenhar-se no aperfeiçoamento de suas competências, colaborando para aumento de prestígio e da credibilidade do Prêmio Gestão Banas.

PARTES INTERESSADAS COMPREENDIDAS
• Epse Editora de Produtos e Serviços Ltda.
• Revista Banas Qualidade
• Membros da Comissão de Jurados
• Membros do grupo de Avaliadores Voluntários
• Empresas Candidatas ao Prêmio
Restrições:
É terminantemente proibida às partes interessadas do Prêmio Gestão Banas:
Aceitar qualquer tipo de compensação financeira ou outros que possam influenciar, de alguma maneira, a integridade do processo de premiação e pós-premiação.
Oferecer serviços de assessoria, consultoria, transmissão de dados(eletrônica ou impressa) ou qualquer tipo de informação sem o consentimento das partes interessadas afetadas.
Usar informações privilegiadas decorrentes do processo de avaliação, premiação e pós-premiação como forma de obter vantagens ou de oferecer serviços, produtos e/ou outros;
Utilizar ou reproduzir, em benefício próprio, para fins comerciais ou de recebimento de vantagens diretas ou indiretas sem prévia autorização das partes interessadas.
Se comunicar com as Candidatas solicitando documentação, informações ou esclarecimentos do Relatório de Gestão, o planejamento da visita ou quaisquer assuntos relativos ao processo de premiação sem a autorização prévia da Comissão do Prêmio.
Mencionar, comentar ou informar dados constantes nos Relatórios de Gestão das Candidatas para Pessoas estranhas ao processo de Premiação ou que estejam fora do grupo dos Membros do Premio.

REGRAS DE CONFIDENCIALIDADE:
As partes interessadas devem seguir as condições abaixo, com o objetivo de manter a confidencialidade de todas as informações (eletrônica, impressa ou outra) obtidas durante todo o processo, desde: a candidatura, avaliação, premiação e benchmarking:
Salvaguardar as informações recebidas durante todo o processo (conforme descrito acima) durante op ano da premiação e as anteriores.
O Código de benchmarking deverá ser mantido por duas das partes interessadas somente, a saber, EPSE (Diretor Editorial) e a Candidata (Seu representante nomeado).
Não reproduzir ou divulgar as informações do Relatório, Planilhas ou de qualquer outro documento utilizado no processo do Prêmio Gestão Banas.
A (s) vencedora(s) do Prêmio Gestão Banas será conhecida antes da divulgação oficial apenas pelo representante legal da Epse Editora.
Não mencionar a outros membros da Banca de Avaliadores Voluntários ou às demais candidatas, seja durante as atividades de treinamento, de avaliação ou de julgamento, sua condição de consultor ou sua participação na preparação de uma candidata ao Prêmio Gestão Banas.
É vedado ao Avaliador Voluntário, por ocasião do contato com a empresa Candidata na segunda fase, dar o seu cartão pessoal, ou se auto-promover perante a empresa.
Conflito de Interesses:
Classifica-se nesta categoria, além dos itens já enunciados acima:
O avaliador estar prestando ou ter prestado serviços de qualquer natureza à empresa candidata ou a uma de suas empresas coligadas.
O avaliador ter sido um ex-funcionário da empresa candidata ou de uma de suas empresas coligadas.
O avaliador estar prestando ou ter prestado serviços a uma empresa concorrente à candidata.
O avaliador já ter analisado a empresa candidata em passado recente (últimos 3 anos),
Regras sobre Conflito de Interesses
As partes interessadas se obrigam a manifestar a condição de Conflito de Interesses sempre que fatores objetivos ou subjetivos colocarem em risco a integridade, credibilidade e prestígio do Prêmio Gestão Banas.
Os casos omissos e de inobservância às regras e princípios aqui determinados serão avaliados pela Comissão Coordenadora do Prêmio Gestão Banas, que deliberará sobre as ações ou sanções que serão aplicadas, afastando-se durante o processo de decisão a pessoa ou pessoas envolvidas.

Ficha de Inscrição
Apresentação
Cronograma
Empresas Premiadas
Elegibilidade
Inscrição
Treinamento
Avaliação
Regras do Relatório
Conteúdo do Relatório
Respostas
Código de Ética
Auto Avaliação
Formulário de Auto Avaliação
Prêmio Gestão Banas 2010